Comportamento Alimentar

Como diminuir o colesterol?

O colesterol é uma molécula com características similares à das gorduras, a qual ingerimos em nossa alimentação por meio de alimentos de origem animal, mas a maior parte é produzida pelo nosso próprio corpo, principalmente pelo nosso fígado. E como diminuir o colesterol?

Isso mesmo, o nosso corpo é o maior produtor de colesterol! Essa produção endógena (feita pelo próprio corpo) mostra a importância do colesterol para a manutenção e equilíbrio do nosso organismo. Ele está presente nas membranas celulares, participa da produção de alguns hormônios, da vitamina D e na formação dos sais biliares, por exemplo.
As razões pelas quais o colesterol pode estar aumentado varia muito. Fatores como uma alimentação desequilibrada, sedentarismo, medicamentos, algumas condições como hipotireoidismo, diabetes, estresse ou até mesmo questões genéticas podem influenciar nesse resultado. Por isso o surgimento de pesquisas de como diminuir o colesterol.
De qualquer forma, se você procura como diminuir o colesterol é interessante avaliar o seu padrão alimentar, já que refeições equilibradas e um estilo de vida mais ativo poderão auxiliar nessa diminuição.
Leia também:

Três dicas para quem busca como diminuir o colesterol

  • Inclua alimentos ricos em fibras em suas refeições;

Quando nos alimentamos, uma série de sinais são enviados ao corpo para avisá-lo que devemos iniciar a digestão e a absorção dos nutrientes que estão chegando. Um elemento muito importante nesse processo são os sais biliares!
Os sais biliares são produzidos pelo fígado e armazenados na vesícula biliar. O colesterol é um importante elemento da sua composição e, normalmente, após auxiliarem no processo de digestão das gorduras, eles são reabsorvidos pelo intestino, ‘empacotados’ e enviados novamente ao fígado. O consumo regular de fibras presentes em grãos, cereais integrais, leguminosas, frutas, verduras e legumes, além de auxiliar no funcionamento intestinal, pode reduzir essa reabsorção e, como consequência, diminuir o colesterol.

  • Explore grupos alimentares e as formas de preparação;

Ainda pensando na influência da alimentação no processo de como diminuir o colesterol, sabe-se que o consumo excessivo de carboidratos de forma regular pode aumentar a produção de colesterol do próprio corpo. Ao planejar uma refeição ou mesmo um cardápio é interessante compô-lo com diferentes grupos alimentares, assim, além de experimentar diferentes sabores e texturas, você poderá contribuir para diminuir o colesterol produzido pelo fígado.

  • Tenha um estilo de vida mais ativo, procure atividades e exercícios que proporcionem prazer;

Com a diminuição do sedentarismo e a prática regular de atividade física, o nosso corpo será capaz de aumentar a produção do HDL-c (também conhecido como “colesterol bom”), que uma das funções é justamente reduzir a quantidade de colesterol circulante no sangue. Além disso, atividades prazerosas podem reduzir o estresse físico e mental do dia-a-dia. Isso auxilia na modulação hormonal do nosso corpo, reduzindo os hormônios ligados ao aumento do colesterol e ampliando aqueles que estão relacionados a sensação de bem-estar.
A combinação da alimentação equilibrada e de um estilo de vida mais ativo pode auxiliar (e muito) para diminuir o colesterol naqueles que necessitam. Contribui também na manutenção de seus níveis adequados, diminuindo os riscos associados ao colesterol elevado.
Que tal conhecer meu método Efeito Sophie, que ensina a transformar sua relação com a comida e a voltar a escutar os sinais do seu corpo? São seis semanas com vídeos e materiais que vão explicar sobre hábitos alimentares, e como recuperar o prazer de comer. Saiba mais!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Para você
Curso online - Efeito Sophie no Comer Emocional

Vontade de comer doces no final do dia?
Conheça os vários tipos de fome e saiba lidar melhor com a fome emocional, aquela que te faz querer comer muitos doces quando chega o final do dia.

Cursos e programas para você

Descubra uma nova abordagem da sua alimentação e mude sua vida com essa metodologia aplicada em 3 cursos especiais.

É colega de profissão?

Descubra uma nova abordagem da nutrição e mude seu atendimento a pacientes.

Artigos Relacionados

Menu