Comportamento alimentar
como controlar a vontade de comer doce
como controlar a vontade de comer doce

Não sabe como controlar a vontade de comer doce? Veja dicas!

Se você perguntar para uma amiga, digitar no Google ou dar uma “zapeada” nas capas das revistas expostas nas bancas, vai se deparar com uma variedade enorme das mais curiosas dicas sobre como controlar a vontade de comer doce.

Boa parte delas me parece bem pouco eficaz. Separei aqui as mais engraçadas: “tranque o armário”; “escove os dentes”; “masque chiclete”; “cheire um pedaço de chocolate”. Este tipo de dica não pode ser levado a sério!

Existem também as técnicas duvidosas, que acabam frustrando mais do que ajudando. “Beba um copo de água”; “coma uma fruta”. E o que dizer de quem prefere pular uma refeição para “poder” comer um doce, acreditando que isso é uma boa troca?

Definitivamente, essas não são soluções adequadas para quem busca descobrir como controlar a vontade de comer doce. O nosso cérebro, quando pede doce, quer açúcar. Não adianta tentar enganá-lo e se jogar no adoçante.

Estudos mostram que o adoçante artificial não ativa o nosso sistema de recompensa da mesma forma que o açúcar. Então, a vontade continua lá. O mesmo acontece quando você tenta “enganar” a vontade de comer doce com outra coisa, como uma maçã ou um chiclete.

Por exemplo: você vê um bolo em uma vitrine. Resiste, mas fica pensando nele. Chega em casa, come uma barrinha de cereal. Não resolve. Parte para uma gelatina. Nada. Então toma um cafezinho com bolachas… Mas segue pensando no bolo e beliscando a tarde inteira.

Não seria melhor comer o bolo, em uma porção moderada, e resolver a vontade, do que ingerir este monte de caloria desnecessariamente?

Mais legal do que focar em como controlar a vontade de comer doce, é saber que você tem o direito de comer quando quiser, desde que de forma consciente: mastigando devagar, sentindo o sabor, curtindo o momento. Dessa forma, não há espaço para a obsessão por aqueles alimentos que as pessoas consideram “proibidos” (brigadeiro, mousse, pudim, torta, bombom, etc.).

E quando algo se torna acessível, fica mais, digamos…”Sem tanta graça”. Cansei de ouvir pacientes relatarem que, a partir do momento que eu os “autorizei” a comer um pedaço de chocolate por dia, passaram a nem querer mais tanto assim.

É verídico! Que tal fazer o teste?

Como controlar a vontade de comer doce: três dicas eficientes!

Vamos falar de coisas que funcionam de verdade?

  • Dica 1: Para começar, não faça dieta ou restrições muito rígidas. Quando se permite comer doce, a obsessão pelo açúcar tende a diminuir.
  • Dica 2: O horário que você come o doce é importante. Deixe sempre a as vontades para depois da refeição, quando já está bem nutrido. Uma boa pedida é depois do almoço: já satisfeito, você vai comer em menor quantidade. Outro momento gostoso é no lanche da tarde. Por que não se autorizar um pedaço de bolo caseiro, como faziam nossas avós?
  • Dica 3: se a sobremesa for grande, que tal dividir? Se você está em dieta ou numa privação total, isso não vai ser possível. Obviamente, não vai querer dar um pedacinho do seu doce pra ninguém! Caso contrário, pode se satisfazer com uma quantidade menor e matar sua vontade degustando junto com um amigo.

Como controlar a vontade de comer doce sem sofrimento

Do ponto de vista comportamental, vale fazer um exercício: você está comendo doce por vontade ou como uma fuga para problemas ou estresse do dia a dia?

Se for por motivos emocionais, tente buscar a origem desse seu impulso pelo doce. Assista ao vídeo abaixo que explico direitinho este mecanismo.

 

Um bom começo para se livrar deste hábito é buscar outras fontes de prazer que não estejam ligadas à comida: uma atividade física que te faça bem, um bate-papo com um amigo, cozinhar, dançar, pintar…enfim, qualquer coisa que te acalme e renda bons momentos de tranquilidade e alegria.

Um novo paladar

Cortar o açúcar de vez é a alternativa mais óbvia entre os que buscam saber como controlar a vontade de comer doce. Mas sou contra radicalismos porque eles levam ao descontrole.

Prefiro a moderação. É fazendo pequenas mudanças que você consegue reeducar seu paladar, até que seu organismo peça doce com menor frequência e intensidade. Começa a funcionar em três semanas, acredite!

Não consegue ficar sem comer um doce bem melado depois do almoço? Tente uma sobremesa sem cobertura, ou à base de fruta. Não almoça sem refrigerante?

Que tal tentar água saborizada alguns dias da semana? Costuma comprar bolacha recheada? Experimente um biscoito mais caseiro, sem recheio. Vale a pena também “desmamar” aos poucos do adoçante para ir diminuindo seu paladar doce: reduza as gotinhas que coloca no seu café.

Gradativamente, mude hábitos – para melhor! E não se esqueça de se manter alimentado, dando uma boa variedade de comida de verdade para o seu organismo. Comendo seu docinho com moderação!

Bon appétit!

Não é difícil encontrar uma solução que ajude em como controlar a vontade de comer doce. Para te ajudar a melhorar a relação com a comida, sugerimos que leia também:

Que tal conhecer o meu programa online Efeito Sophie no Comer Emocional? Ele foi pensado para te ajudar a descobrir os gatilhos do seu comer emocional e te ensinar passos simples para diminuir ou até eliminar esse comportamento. Mude a sua relação com a comida e viva melhor. Saiba mais!

14 Comentários. Deixe novo

  • De tudo o que eu já ouvi a respeito desse assunto, está foi a melhor resposta que já vi na vida, realmente a melhor solução não é cortar totalmente, mas sim diminuir aos poucos, é o que eu estou tentando fazer, já que sou formiga assumida .

    Responder
  • Adorei a pagina, vou ler todas as matérias!
    Eu tenho vontade muito forte de comer algo doce logo após o almoço com frequencia, e isso me deixa frustrada pois quero controlar essa compulsão e deixar somente para o fins de semana, sou magra, mais tenho uma pochetinha que não me larga, e por causa dele estou sempre controlando minha alimentação e comendo de forma saudavel.
    Mais esse meu vicio por doce após ao almoço é ruim ?! Comer doce todos os dias pode ser ruim para minha saude?

    Responder
    • Olá Shamella!
      Se você pensar que é apenas mais um alimento como outro qualquer, que pode fazer parte de uma alimentação adequada e que não irá te engordar ou te fazer mal se consumido numa porção e frequência moderada, não haverá problema algum! 😉
      Um abraço,
      Nathália – Equipe Sophie

  • Parabéns. De tudo que já vi e ouvi essa resposta foi de longe a melhor.
    Tratam do assunto como uma doença, algo tão ruim que as pessoas ficam doentes e paranóicas.
    Eu me considerava uma formiga e quanto mais me criticava, ou não me permitia comer dava efeito contrário eu tinha mais fome e não pensava em outra coisa. Até tentei substituir por outros ” chiclete, frutas” , porém não dava certo porque é como se sempre estivesse me punindo, ficava até 3 dias nesse processo, mas qualquer coisa me levava ao descontrole e comia mais e mais. Quando entendi essa necessidade e me cansei dessa montanha russa, me permito comer um chocolate ( bombom) todos os dias e estou em paz e já está diminuindo esse desejo.

    Responder
    • Olá Luciana!
      Agradecemos por dividir esse comentário conosco. Saiba que ficamos muito felizes em saber que fez as pazes com a comida. Esse é o caminho! 😉
      Um abraço, querida.
      Nathália – Equipe Sophie

  • Certíssima esta Doutora, já experimentei de tudo e a única coisa que me resolveu foi comer 30 gramas de diamante negro diariamente, depois do almoço.

    Responder
  • CALLEUYL COELHO ALVES
    22 de agosto de 2019 9:10 am

    E quando você se permite comer doce e a vontade não diminui? E a vontade é só se entupir de doce eternamente?

    Responder
    • Olá, como vai?
      Você conhece o “Efeito Sophie no Comer Emocional”? É um curso online que te mostra o que é comer emocional e suas várias formas. Além de explicar de onde vem a fome emocional e dar dicas, ferramentas e práticas para você identificar os seus gatilhos e refletir sobre os seus comportamentos.
      Para mais informações, você pode acessar o link: https://sophiederam.com/br/efeito-sophie-no-comer-emocional/
      Lembrando que o acompanhamento presencial com o profissional de saúde é sempre importante. ?
      Abraços,
      Nathália – Equipe Sophie

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Para você
Dra Sophie Deram

Consultas, cursos, palestras … Conheça melhor a Dra Sophie e o que pode fazer para você.

Artigos Relacionados