Projeto verão

Reduza seu consumo de açúcar

No começo de 2015, a Organização Mundial de Saúde (OMS) lançou uma campanha para alertar sobre o excesso do consumo de açúcar. Segundo a OMS, deveríamos consumir uma quantidade de açúcares de até 10% do total das calorias diárias, em todas as fases da nossa vida. Esses 10% representam, para um adulto, mais ou menos 50g, ou seja, 10 a 12 colheres de café de açúcar.

O açúcar na alimentação tem sido uma grande preocupação para a saúde, pois seu excesso pode estar relacionado ao desenvolvimento de doenças crônicas, como o diabetes e a obesidade.

Mas como reduzir o seu consumo de açúcar? Aqui você entende melhor. Vem comigo!

Açúcar não é vilão, mas seu excesso pode ser prejudicial

Para entender como reduzir seu consumo de açúcar, primeiro perceba que estamos falando do excesso de açúcar e não do açúcar em si. 

Hoje, o açúcar tem uma fama muito ruim e se fala até mesmo que ele vicia. Mas será que é isso mesmo? 

Não há como negar que o açúcar é um alimento que proporciona prazer. O cérebro e o intestino têm receptores de recompensa que são ativados quando consumimos açúcar, proporcionando sensações prazerosas. Sabemos que esse receptor é o mesmo da cocaína e, por isso, muita gente gosta de dizer que o açúcar vicia.

É provável que a pessoa necessite de quantidades cada vez maiores de açúcar para sentir mais prazer. Você mesmo já pode ter percebido como é fácil se acostumar com o sabor doce. Mas, veja só, a música também se envolve com esse mesmo receptor, mas não falamos que música vicia.

Pensar no açúcar como uma droga ou cortá-lo totalmente da alimentação não ajuda muito a evitar o seu excesso. Essas não são boas estratégias, pois quando nos sentimos proibidos de comer um determinado alimento, a tendência é sentir um forte desejo por ele e, em algum momento, acabar “caindo em tentação” e exagerando. O problema não é o açúcar, mas sim o excesso de açúcar

Não é para entrar num terrorismo nutricional de achar que açúcar é veneno. O açúcar pode fazer parte de uma alimentação muito equilibrada quando o consumo é moderado. 

Reeduque seu paladar a aprenda a reduzir seu consumo de açúcar

Por isso, o melhor é reeducar seu paladar e, assim, reduzir o consumo de açúcar. Faça isso pouco a pouco. Por exemplo, se adoça o seu café com 2 colheres de chá, passe para 1 colher, depois para uma colher de café e assim por diante. Você vai ver que não precisa de tanto açúcar para sentir prazer com a comida.

Mas lembre-se que o açúcar não é somente aquele que você adiciona à sua comida.  Também existe o açúcar que já vem dentro dos alimentos e merecem atenção. Estou me referindo aos alimentos industrializados. 

Os alimentos que encontramos na natureza possuem poucos açúcares, encontrados principalmente em frutas, e sempre junto com fibras, diferentemente dos alimentos ultraprocessados da indústria. Neles, você pode identificar o açúcar nos rótulos com diversos outros nomes, como: glucose, xarope de glicose, açúcar invertido, sacarose, dextrose, etc.

Também não quero dizer que esses alimentos industrializados são proibidos, mas também devem ter seu consumo reduzido. Para isso, busque consumir mais comida fresca e caseira, assim, provavelmente vai ter menos espaço na sua alimentação para os industrializados.

Vale a pena rever a sua alimentação e conversar com um profissional de saúde sobre opções para melhorar a qualidade do seu dia a dia.

Para saber mais, veja este meu vídeo sobre excesso de açúcar:

Bon appétit!

Sophie

Projeto Verão Sophie: 30 dicas para melhor aproveitar o verão. Clique aqui para saber mais e achar as outras dicas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Para você
Dra Sophie Deram

Consultas, cursos, palestras … Conheça melhor a Dra Sophie e o que pode fazer para você.

Artigos Relacionados