Comportamento Alimentar

O que é peso ideal? Precisamos falar sobre o mito do corpo "perfeito"

A palavra “ideal” tem vários significados segundo o dicionário Michaelis. Mas para escrever este texto, escolhi o mais apropriado: “que só existe na ideia ou no pensamento”. O que é peso ideal, afinal? Para mim, “ideal” é algo muito abstrato e reducionista no que se refere à maravilhosa máquina que é o nosso corpo.

Mesmo porque essa expressão geralmente é associada a padrões de beleza, e não à saúde. A imagem que vem à nossa cabeça quando falamos de “peso ideal” é a de alguém magro. Não é verdade?
Isso acontece porque a magreza virou sinônimo de felicidade, saúde e sucesso. Essa distorção é comum porque, todos os dias, recebemos muitos estímulos que reforçam essa visão.
A indústria da moda, as capas de revista, atrizes cada vez mais magras e definidas. Hoje em dia, tudo isso pode ser acompanhado quase que em tempo real por meio das redes sociais: o que elas comem (e sobretudo o que não comem!), treinos exaustivos, tratamentos estéticos, fotos super retocadas no Photoshop. Mas não se iluda, isso tudo é fantasia. Saúde é outra coisa.
Quero falar um pouco das diferenças conceituais entre peso saudável e peso ideal. Parece a mesma coisa, mas não é! Fique atento.

O que é peso ideal?

Há alguns anos, existiam até fórmulas para se definir o que é peso ideal. Mas muitos profissionais da área já não usam este termo justamente porque ele foca em um único parâmetro – o peso – e isso acaba muitas vezes mais atrapalhando do que ajudando.
Calcular um “peso ideal” seria a mesma coisa que dizer dizer que todo mundo que tem a mesma altura deveria pesar a mesma coisa! Isso é claramente errado!
É muito comum ver pessoas obcecadas por peso ideal caírem na armadilha das dietas milagrosas, que trazem um emagrecimento rápido e drástico para conseguir um número na balança. Essas dietas bagunçam o metabolismo e aumentam as chances de engordar e cair no efeito sanfona, porque padrões alimentares radicais são extremamente difíceis de se manter a longo prazo.
Do ponto de vista psicológico, as dietas reforçam sentimentos negativos como frustração por não conseguir alcançar o tal padrão de beleza; vergonha do próprio corpo, falta de autoestima e de amor próprio.
Por essas e outras que eu prefiro discutir o que é peso saudável ao invés de falar sobre o que é peso ideal, simplesmente porque o ideal não existe.

O que é peso saudável?

O conceito de peso saudável é mais interessante porque é aquele que você conquista com equilíbrio, gradativamente, não de forma repentina, assustando o corpo. Peso saudável é aquele que você consegue manter sem grandes sacrifícios e constantes oscilações na balança, com uma vida tranquila e comendo sem neura.
Peso saudável se conquista a partir da mudança de hábitos, de uma reconstrução da relação com a comida. Porque dessa forma não tem sofrimento, e sim, uma reavaliação de valores e comportamentos ligados à comida – ou seja, é algo para a vida inteira.
Mas aí você me pergunta: sim, mas qual é o meu peso saudável então? Entendo que as pessoas precisam de parâmetros para poder avaliar a própria saúde. E o peso é um referencial importante nesse sentido, mas ele não é o único.
Por isso, para manter um peso saudável é interessante ter os exames em dia, manter o corpo ativo e se alimentar de forma equilibrada, com uma variedade de alimentos – priorizando os in natura, deixando entrar com menor frequência os ultraprocessados.
Quando se fala em padrão, o IMC (Índice de Massa Corporal) ainda é a referência mais utilizada pelos especialistas. O cálculo é simples: IMC = P(peso em quilos)/A² (altura x altura, em metros). Exemplo: para uma mulher de 1,60 m que pesa 63 kg, o IMC é de = 63 /(1,6×1,6) = 24,6 kg/m².
Se o resultado estiver entre 18,5 e 25 o peso está “adequado”, segundo o Ministério da Saúde. Claro que manter-se dentro de um peso saudável é importante porque diminui as chances de se desenvolver doenças ligadas à obesidade, como diabetes do tipo 2, hipertensão e colesterol alto.
Mas, repito: o peso é só um dos parâmetros. É preciso manter o check-up em ordem para poder avaliar se outros fatores importantes estão indo bem. Consulte seu médico ou seu nutricionista! E se você quer saber mais sobre peso saudável, não deixe de ver este artigo.

Dica de ouro: pare de se pesar!

Ficar o tempo todo pensando “o que é peso ideal” aumenta a obsessão por dietas e pelo “comer perfeito”, que também é um mito. Cuidado também com as expectativas exageradas, é preciso ser realista e aceitar nosso biotipo.
As atrizes e modelos de passarela não representam a maioria da população brasileira. Então, busque metas viáveis e, dentro delas, faça o seu melhor. E, finalmente, pare de se pesar! Deixe os padrões e ideais um pouco de lado e procure algo mais compatível à sua realidade, sem neura, sem sofrimento. Você é muito mais do que um número na balança!
Bon appétit!
Falamos aqui sobre o que é peso ideal, vamos aprofundar os conhecimentos em outros temas?

Que tal conhecer meu método Efeito Sophie, que ensina a transformar sua relação com a comida e a voltar a escutar os sinais do seu corpo? São seis semanas com vídeos e materiais que vão explicar sobre hábitos alimentares, e como recuperar o prazer de comer. Saiba mais!

2 Comentários. Deixe novo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Para você
Mentoria online para pais - Meu filho sem obesidade e sem T.A.

O melhor presente que você poder dar para seu filho e crescer em paz com a comida e o corpo!
Participe da mentoria.

Cursos e programas para você

Descubra uma nova abordagem da sua alimentação e mude sua vida com essa metodologia aplicada em 3 cursos especiais.

É colega de profissão?

Descubra uma nova abordagem da nutrição e mude seu atendimento a pacientes.

Artigos Relacionados

Menu