Quando você decide parar de seguir uma dieta restritiva e voltar a comer normalmente, pode ter medo de sentir muita fome e medo de engordar novamente. Isso pode assustar mesmo, especialmente se você ficou muito tempo sem escutar a sua fome. Durante esse tempo ela só aumentou para tentar chamar a sua atenção! Uma das alterações que você sofre ao restringir o que come é um aumento do seu apetite.

Cansada de sofrer com dietas e não conseguir o resultado desejado? Descubra como emagrecer de forma sustentável!

Se você está saindo de uma dieta muito restritiva pode sentir muita fome, ao ponto de parecer incontrolável, então vá devagar!

Adote uma rotina, alimentando-se com qualidade e respeitando as refeições principais: café da manhã, almoço, lanche da tarde, e jantar. No início, você também pode fazer mais lanches se sentir muita fome. Não tem problema.

Quando você se alimenta regularmente a fome diminui e deixa de ser muito forte. É uma questão de tempo até seu cérebro diminuir seu apetite e você deixar de sentir muita fome.

Eu tenho fome e gosto disso! É muito saudável sentir fome!

Ter fome na hora da refeição tempera a vida!

A fome não é um vilão e não é uma sensação que você precisa eliminar ou temer. Ela é fisiológica, natural, normal, e é necessária porque te indica que o seu corpo precisa de nutrientes. A fome incita você a procurar alimentos para recarregar suas baterias.

Dica10

Você precisa respeitar a sua fome e reaprender a sentir os sinais dela antes que esteja tão tão forte que possa dar uma sensação de perda de controle.

No meu consultório, trabalho com pacientes para que retomem suas sensações de fome e, consequentemente, de saciedade, para que não tenham mais medo dela e saibam ouvir melhor o corpo e respeitá-lo.

Dá para recuperar essas sensações, caso tenham sido perdidas!

Leia mais no tema da fome:
Dica 9: Respeita a sua fome
Você tem medo da sua fome?
Mais artigos sobre o tema

Bon appétit!

Projeto Verão Sophie: Todo dia de novembro uma nova dica. Clique aqui para saber mais e achar as outras dicas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *