O que comer?

Detox pós-Carnaval e as promessas que se renovam a cada ano

Exagerar é humano. Desde que o mundo é mundo, celebramos em torno de comida e bebida. Digo isso para aliviar a culpa que muita gente sente ao passar um pouco do ponto com relação à alimentação. O detox pós-Carnaval parece tentador, mas lembre-se que os excessos fazem parte da vida. Permita-se!


O que não é adequado é exagerar sempre. Fazer disso um hábito prejudica a saúde e pode aumentar o risco de engordar, porque o corpo não consegue estabelecer equilíbrio, e exagerar sempre faz com que você perca a noção de saciedade, ou seja, saiba a hora de parar de comer.
Um dia depois do feriado, lá vem ela: a vontade de voltar correndo para a academia e de fechar a boca para compensar os excessos. Na maior festa brasileira, não podia ser diferente. O detox pós-Carnaval é um verdadeiro “hit” nessa época do ano.
Você verá famosas contando seus segredos mirabolantes de beleza; além de muitas dicas de alimentação leve em sites, revistas e matérias de TV. Todas elas prometendo o “emagrecimento express” na semana que sucede um dos feriados mais amados do país.
Mas será que isso vai dar certo? Será que o detox pós-Carnaval pode mesmo colocar alguém na linha? Uma grande pergunta para você: será que nosso corpo funciona assim?

Entre confetes e serpentinas

Vamos imaginar um cenário muito comum durante os dias de Carnaval. Bebida alcoólica é o que não falta; e muitos se esquecem de se hidratar com água entre uma dose e outra.
Quando o assunto é comida, as opções geralmente se limitam a petiscos fritos ou guloseimas. Dificilmente alguém leva para a festa sua marmitinha com itens que considera saudáveis, certo? Também tem quem se esqueça de comer; a folia corre solta e, no fim do dia, muitas vezes, nenhuma das principais refeições foi realizada.
Tudo isso é de certa forma um baque para o corpo. Ressaca? Azia? Respostas bastante comuns neste contexto. No dia seguinte, vem o peso na consciência. O detox pós-Carnaval aparece como uma alternativa tentadora.
Mas imagine o seu corpo passar por tudo isso durante o feriado, e, no dia seguinte você simplesmente privá-lo de comida e alimentá-lo só com suco verde. Não acha que é judiar demais?

O verdadeiro detox pós-Carnaval

O que eu sempre recomendo para quem está desesperado para se livrar dos excessos é algo bem simples: voltar à rotina alimentar normal. Tomar café da manhã, almoçar e jantar normalmente, fazer lanches intermediários se sentir necessidade. Ingerir bastante líquido, preferencialmente água.
Se você voltar a ouvir os sinais de fome e saciedade, aos poucos, seu corpo se recupera. Sozinho. De acordo com a minha experiência clínica, este é o verdadeiro detox pós-Carnaval e é a única fórmula que já pude comprovar efeitos benéficos.

Tudo em excesso faz mal. Até couve!

As dietas chamadas “detox” são recheadas de sucos que prometem milagres. O suco verde, por exemplo, virou uma obsessão entre as pessoas que buscam o emagrecimento ou detoxificar o corpo. Quero deixar bem claro que nenhum suco vai fazer esse trabalho, pois quem faz isso é seu fígado!
O detox pós-Carnaval geralmente é associado a este tipo de suco, que eu, particularmente, não vejo como uma alternativa eficaz. Com moderação, não vai fazer mal e pode até ser interessante (algo em torno de um copo de 200ml). Mas no caso de pessoas que ficam dias no detox, tomando suco em grandes quantidades, pode haver problemas sim.
Existem estudos que associam o excesso de couve no organismo ao risco de desenvolver um desequilíbrio na tireoide e até o hipotireoidismo.
Dito isso, repito – tudo em excesso faz mal. Se você passar a comer só cenoura, por exemplo, vai ter excesso de vitamina A e betacaroteno e o seu fígado vai ser sobrecarregado; não vai dar conta de processar tudo. Por isso todas as minhas recomendações se voltam sempre para a mesma palavra: moderação.
Faço um convite para que, nas próximas celebrações que vierem por aí, você coloque em prática essas dicas. Tire um pouco o foco da comida e da bebida, aproveite o evento como um todo, celebre a presença dos amigos e do momento feliz. Beba bastante água para se hidratar, coma regularmente e quando estiver com fome para ajudar seu corpo nesses dias de folia.
Se conseguir curtir as festas com mais leveza, vai se sentir melhor e a palavra “detox” certamente sairá do seu dicionário.
Que tal conhecer meu método Efeito Sophie, que ensina a transformar sua relação com a comida e a voltar a escutar os sinais do seu corpo? São seis semanas com vídeos e materiais que vão explicar sobre hábitos alimentares, e como recuperar o prazer de comer. Saiba mais!
Veja também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Para você
Curso online - Efeito Sophie no Comer Emocional

Vontade de comer doces no final do dia?
Conheça os vários tipos de fome e saiba lidar melhor com a fome emocional, aquela que te faz querer comer muitos doces quando chega o final do dia.

Cursos e programas para você

Descubra uma nova abordagem da sua alimentação e mude sua vida com essa metodologia aplicada em 3 cursos especiais.

É colega de profissão?

Descubra uma nova abordagem da nutrição e mude seu atendimento a pacientes.

Artigos Relacionados

Menu