Comportamento Alimentar

Comer em família na quarentena. Vamos refletir sobre essa prática?

Se você quer comer em família na quarentena, gostaria de dividir algumas reflexões com você antes. 

Não é novidade que nesse momento de pandemia, todos nossos hábitos estão sofrendo mudanças de alguma forma. O isolamento social é necessário como forma de conter o coronavírus e evitar piores consequências.

Apesar disso, comer em família na quarentena parece estar fazendo parte dos hábitos de muita gente. 

Vamos refletir sobre isso?

O “comer juntos” na atualidade

Antes de tratar sobre o comer em família na quarentena, acho importante que você entenda melhor o hábito de comer juntos na atualidade. 

É notório que, no dia a dia, estamos comendo menos em família. A urbanização e a industrialização são responsáveis, em partes, por isso. Cada vez mais comemos fora de casa. É mais prático e evita perda de tempo com o deslocamento.

Além disso, a mulher, que antes ficava em casa e tinha a responsabilidade de cozinhar os alimentos para toda a família, foi inserida no mercado de trabalho. 

Ela não abandonou a cozinha, em vez disso acumulou uma dupla jornada de trabalho, mas conta com a ajuda da indústria alimentícia, que fornece alimentos processados e ultraprocessados, prontos para consumo e que permitem poupar tempo.

As famílias também se modificaram, ficaram menores e tornou-se cada vez mais comum morar sozinho. 

Isso não quer dizer que deixamos de comer juntos, mas a prática cotidiana diminuiu e se reunir para beber e comer em família ficou relegado aos momentos festivos. Fazer um churrasco, cozinhar uma feijoada,  preparar um prato especial, etc.

Isso acontece porque vivemos em uma sociedade cada vez mais individualista, o que nos proporciona perdas e ganhos. De acordo com o antropólogo Claude Fischler em entrevista a Mirian Goldenberg, nas culturas em que a alimentação é uma responsabilidade coletiva e na qual a comensalidade é praticada no cotidiano, torna-se mais fácil controlar o que se come, e até a obesidade pode ser um problema mais fácil de lidar, pois existem regras externas que guiam como se deve comer.

Já em uma sociedade em que o ato de comer é uma decisão individual, temos mais liberdade para comer quando, onde e como quisermos. 

Em compensação, os rituais da alimentação, como comer em família, que trazem diversos benefícios, estão mais frouxos. Assim, deixamos de aproveitar um maior bem-estar pela interação social e até uma boa digestão.

O aumento do comer em família na quarentena

Com a pandemia do novo coronavírus e a necessidade de isolamento social como forma de prevenção da doença, nossas vidas ficaram um pouco de ponta a cabeça.

Se a recomendação é ficar em casa, o trabalho, o lazer e a prática de exercícios físicos precisa ser adaptada para o ambiente doméstico. A alimentação também sofre mudanças com isso.  É o que tenho visto nas redes sociais e ouvido de amigos próximos.

Vivemos em uma sociedade individualista e ao mesmo tempo, a pandemia nos impõe que devemos evitar aglomerações e o contato social. Isso torna mais difícil os almoços ocasionais com os colegas de trabalho ou encontrar alguém para tomar um café.

Por outro lado, percebo que comer em família na quarentena passou a ser um hábito em muitas casas. Tenho visto pessoas indo para a cozinha fazerem seu próprio pão, além de compartilharem o preparo e o consumo de suas refeições com a família.

A intenção não é só se proteger do coronavírus, reduzindo as idas ao mercado e evitando pedir comida. Cozinhar e comer em família na quarentena tem sido também uma forma de terapia e de estar junto de quem gostamos.

Esses hábitos positivos surgem em um momento delicado, mas podem ser continuados e adaptados com o fim do isolamento social e retorno às nossas vidas mais atarefadas e corridas.

Comer em família na quarentena morando sozinho?

No entanto, como disse anteriormente, é comum morar sozinho, optar por não se casar, nem ter filhos. Nesse caso, você pode achar que seja impossível comer em família na quarentena

Mas a boa notícia é que dá sim!

Aliás, para comer em família na quarentena estar perto fisicamente não é o bastante. Precisamos também estar com a mente presente de forma intencional. 

Do mesmo modo, acredito que comer em família na quarentena é possível mesmo com o distanciamento físico. 

Para isso, podemos utilizar a tecnologia a nosso favor. Se você mora sozinho, pode fazer uma chamada de vídeo com seus familiares, amigos e colegas de trabalho enquanto aproveita a refeição com prazer.

Essa é uma forma diferente de comer em família na quarentena, mas que pode ser utilizada nesse momento de isolamento. Assim, dividimos o momento e evitamos o distanciamento emocional. 

Que tal experimentar?

Para complementar, aqui vão algumas dicas de como apreciar as refeições:

infografico dicas para comer com atenção plena

 

dicas para comer com atenção plena

Como comer em quarentena em família

Considerando a importância de comer juntos, o Guia Alimentar para a População Brasileira reservou um capítulo inteiro para tratar desse hábito. 

Ele nos faz 3 orientações que eu trago aqui para vocês colocarem em prática ao comer em família na quarentena:

  1. Comer com regularidade e com atenção: reserve horários para fazer suas refeições, coma devagar, saboreie os alimentos e desfrute da refeição, sem realizar outras atividades ao mesmo tempo.
  2. Comer em ambientes apropriados: é importante comer em lugares limpos, confortáveis e tranquilos.
  3. Comer em companhia: sempre que possível, aprecie as companhias enquanto come, seja familiares, amigos ou colegas de trabalho e da escola. Aproveite também para compartilhar as atividades domésticas antes e após o consumo das refeições.

Para complementar, a gente separou outras dicas valiosas de atenção plena para você aproveitar ainda mais a o momento da refeição:

Siga essas recomendações para comer em família na quarentena, socializando e desfrutando a companhia dos outros quando der. Quando não, você também pode aproveitar para se conectar consigo mesmo e com a comida!

Precisando de receitas para comer em família em quarentena?

Se você quer colocar em prática o comer em família na quarentena, mas precisa de inspiração de receitas rápidas, fáceis e saborosas, eu tenho uma boa notícia para você!

No meu livro, o Peso das Dietas, eu divido dezenas de receitas simples, que demonstram o quanto é prático e gostoso cozinhar em casa!

São mais de 70 receitas e dicas para ajudar no seu dia a dia e para comer em família na quarentena para nenhum livro de gastronomia botar defeito. 

Essas receitas são minhas, dos meus filhos e também dos meus amigos ao redor do mundo para quem mandei um email perguntando: o que você faz quando todo mundo está com fome e precisa fazer algo rápido, fácil e saboroso?

Compilei todas essas respostas mais dicas de chefs conhecidos para criar esse best-seller que dá água na boca.

Não deixe de conferir o Peso das Dietas!

Bon appetit!

Referências

  • BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Guia alimentar para a população brasileira. 2. ed., Brasília : Ministério da Saúde, 2014.
  • FISCHLER, Claude. MASSON, Estelle. Comer: a alimentação de franceses, outros europeus e americanos. Tradução de Ana Luiza Ramazzina Guirardi. São Paulo: Senac São Paulo, 2010.         

Se gostou deste artigo sobre comer em família na quarentena, provavelmente vai adorar ler estes posts que separei para você:

  1. Isolado em casa? Aproveite para comer mais comida caseira
  2. Descubra algumas receitas de comidas saudáveis
  3. Comida caseira previne contra diabetes e obesidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Para você
Curso online - Efeito Sophie no Comer Emocional

Vontade de comer doces no final do dia?
Conheça os vários tipos de fome e saiba lidar melhor com a fome emocional, aquela que te faz querer comer muitos doces quando chega o final do dia.

Cursos e programas para você

Descubra uma nova abordagem da sua alimentação e mude sua vida com essa metodologia aplicada em 3 cursos especiais.

É colega de profissão?

Descubra uma nova abordagem da nutrição e mude seu atendimento a pacientes.

Artigos Relacionados

Menu