Essa vai para os papais, parceiros e filhos de plantão: hoje quero conversar sobre o almoço do dia das mães. Mas, primeiro, não posso deixar de comentar por que essa data linda faz parte do nosso calendário.

Como surgiu o Dia das Mães?

O dia das mães surgiu nos Estados Unidos, com a homenagem de Anna Jarvis à mãe Ann Marie Reeves Jarvis – ativista importante, sendo um dos seus feitos a fundação do Mothers Days Works Clubs, grupo de cuidados e orientações às mães com o objetivo de diminuir a mortalidade de crianças em famílias de trabalhadores.

Após a morte dessa mulher tão importante para a comunidade, sua filha conseguiu, em 1908, que sua igreja celebrasse um culto em homenagem a todas as mães.

Esse acontecimento ficou famoso na época e chamou a atenção dos governantes. Até que, em 1914, o presidente Wodroow Wilson (1913 a 1921), orientado diretamente por Anna Jarvis, oficializou a proposta de que o Dias das Mães fosse comemorado no segundo domingo de maio.

Homenagem merecida, não é?

A data logo se tornou internacional. No Brasil, é comemorado oficialmente o dia das mães desde 1932. Hoje em dia, por ser em um domingo, é comum que essa comemoração tenha um belo almoço do dia das mães.

Mas, almoçar em restaurante nesta data pode trazer dor de cabeça com reservas, filas, restaurantes caros, lotados e até mal atendimento.

Na minha opinião como mãe, dá para aproveitar muito mais fazendo algo em casa, mesmo que seja simples. E é por isso que estou escrevendo esse texto, quero lhe inspirar.

Que tal homenagear a mãe/esposa/companheira à altura e surpreendê-la com um almoço do dia das mães? Deixe a mamis descansando e assuma as panelas!

Já adianto que não é preciso estressar! Com as dicas que passarei a seguir é possível fazer um almoço caprichado, sem muito trabalho, que irá arrancar elogios de qualquer mamãe.

1- Planeje o cardápio do almoço do dia das mães

Para que o almoço do dia das mães seja um sucesso, é necessário planejar. Essa etapa envolve pensar sobre o que terá no cardápio, fazer a lista de compras e ir às compras de fato.

O ideal é que esse planejamento ocorra antes do domingo de dia das mães. Assim, você terá tempo suficiente para se organizar sem problemas, ok?!

Então, o primeiro passo é pensar sobre quais pratos fazer nesse almoço especial. Pode ter uma entrada, prato principal e sobremesa; ou somente o prato principal com a sobremesa, fica a seu critério. De qualquer forma, separei estas receitas de sobremesas fáceis para você.

Gosto de frisar sempre que a comida caseira é muito saudável, alguns estudos apontam que cozinhar mais pode até reduzir as chances de ter excesso de peso e também desenvolver doenças crônicas como o diabetes tipo 2 – mais um bom motivo para cozinhar para as mamães.

Portanto, quando for pensar em receitas para o dia das mães, esqueça os tabus ou o mito de que existem alimentos prejudiciais à saúde, a ideia aqui é surpreender e agradar a mãe.

É a ocasião perfeita para fazer aquelas receitas tradicionais da sua família, se você quiser. Aquela receita de nhoque da vovó é uma ótima pedida para todo mundo botar a mão na massa, não acha? A propósito, se sua mamis gosta de nhoque de abóbora, dá uma olhadinha no vídeo abaixo:

A diversão é garantida e até as crianças podem participar!

Mas, se você ainda está em dúvida sobre que fazer no almoço do dia das mães e quer inovar, a minha dica é: aposte na simplicidade.

Não precisa ser o arroz e feijão de todo dia, mas também não tem necessidade de “gourmetizar” muito, entende?

Na internet você consegue encontrar muitas receitas legais e que não demandam muito trabalho. No meu blog sempre coloco receitas práticas para datas especiais, desde a entrada até a sobremesa, não deixe de conferir.

2 – Vamos às compras?

Com os pratos (e receitas) definidos, é a hora da lista de compras!

Veja o que você já tem na despensa e na geladeira para fazer a lista. Não esqueça de anotar as quantidades que vai precisar de cada item, facilita na hora da compra e evita o desperdício.

Lista pronta na mão, o próximo passo é ir à feira e/ou mercado.

Tente ir às compras o quanto antes (de preferência até sábado), ainda mais se a receita que você escolheu exige algum tipo de pré-preparo – por exemplo, marinar a carne – ou se a sobremesa deve ser servida gelada e precisa preparar no dia anterior.

Se você conseguir, vale a pena ir à feira. Você irá encontrar os alimentos in natura (frutas, legumes, verduras, carnes, peixes, ovos) mais frescos.

3- Divida as tarefas para fazer o almoço do dia das mães

O almoço do dia das mães é uma oportunidade para cozinhar em família – e uma maneira de introduzir esse costume para quem não está habituado.

A divisão de tarefas é fundamental, pois ninguém fica sobrecarregado e todo mundo pode aproveitar, ainda mais se a família for grande.

Fazer tudo sozinho (a) pode ser puxado, não acha? Além do mais, é tão bonito quando a família se une para preparar um almoço especial para a mamãe.

É um gesto de amor!

Cozinhar é um processo que envolve várias etapas, como higienizar legumes e verduras, picar os ingredientes, temperar, mexer as panelas, ficar de olho no fogão. Isso tudo sem falar na sobremesa, ou seja, tem tarefa para todos os gostos!

Por exemplo, picar os ingredientes pode ser um trabalho até para as crianças mais crescidinhas (sempre com a supervisão de um adulto, claro!).

Lembrando que não é preciso que tudo fique no mesmo tamanho ou padrão, a ideia aqui é fazer algo caprichado sem estresse.

Quando a família é muito grande, cada um levar um prato pode ser uma boa alternativa. Basta combinar sobre quem leva o quê e o almoço está garantido.

No final, quem não ajudar no preparo do almoço do dia das mães, lava a louça!

4- Arrume a mesa para o almoço do dia das mães

Quando a mesa está arrumada e bonita nos traz uma sensação gostosa, torna o momento da refeição ainda mais acolhedor, além de demonstrar o carinho em todos os detalhes.

Toda mamãe merece uma mesa linda para o seu almoço especial. É o momento ideal para tirar do armário a louça bonita que você tem em casa, taças, a travessa que foi da vovó.

Não podemos esquecer também da toalha de mesa, aquela que sempre fica guardada para ocasiões especiais. Se possível, cheque no dia anterior se não está com “cheiro de guardado” e se precisa lavar.

Se você tiver guardanapos de tecido, vale a mesma dica. Caso não tenha, o de papel faz a mesma função numa boa, e dá para comprar uns coloridinhos mais charmosos, se você quiser.

Arranjos de flores dão um toque especial para a mesa. Não precisa ser daqueles de floricultura, pode ser algo bem simples, com flores que encontramos no mercado ou até mesmo as do jardim – tarefa para as crianças.

Para quem tem horta em casa, dá para usar galhos de ervas frescas como alecrim, manjericão, lavanda… fica bem legal e ainda traz um aroma especial à mesa.

Você pode fazer arranjos diferentes e super práticos, com potes de vidro (tipo os de geléia ou azeitona), latas e até mesmo em taças.

Resumindo, para fazer uma mesa bonita para o almoço do dia das mães não é preciso complicar. Abuse da criatividade e aproveite tudo o que você já tem em casa. Com essas dicas e muito amor e carinho, tenho certeza que a mamãe irá adorar o almoço do dia das mães. Aproveitem!

Feliz Dia das Mães!

Antes de preparar as receitas no almoço do dias das mães, um convite!

No meu livro, o Peso das Dietas, eu mostro mais de 70 receitas simples, minhas e de amigos espalhados pelo mundo, que demonstram o quanto é prático e gostoso cozinhar em casa!

A chave está em mudar a sua relação com a comida. Ela não deve ser uma vilã no seu caminho e sim sua aliada. Comer deve ser um ato de prazer e não de culpa.

Esses aspectos e muitos outros fazem parte do curso online que construí: o Efeito Sophie.

Eu criei esse curso para ajudar milhares de pessoas que também vêem a alimentação como um desafio. São seis semanas de vídeo aulas, materiais e atividades online para você colocar em prática no seu dia a dia e voltar a escutar os sinais do corpo como fome e saciedade.

Além de participar da nossa comunidade exclusiva onde poderá trocar ideias e aprendizados com pessoas que estão passando ou já passaram pelo Efeito Sophie.

Se inscreva agora mesmo no curso online Efeito Sophie!

Vamos juntos nessa? Será um processo gradual, sem estresses e no seu ritmo, mas com resultados duradouros.

Bon appétit!

Se você gostou dessa leitura, provavelmente vai gostar destas aqui também:4 dicas para você surpreender no almoço do dia das mães

E para mais dicas de alimentação, visite o meu blog da uol Nutrição Sem Neura!

1 thought on “Almoço do dia das Mães: uma linda forma de homenagear a mamãe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *