Aproveitei para desligar o relógio eletrônico e respeitar o meu relógio interno.

Sabia que nós temos um relógio biológico?


O primeiro gene do relógio, com o nome de CLOCK gene, foi descoberto em 1994. Desde então, mais de 8 genes do relógio circadiano têm sido descritos.

Assim, o relógio circadiano está implicado no controle do nosso metabolismo e dos nossos hormônios, no equilíbrio de energia e, consequentemente, no comportamento alimentar e na regulação do peso do corpo.

O meio ambiente (alimentos, estilo de vida, poluição…) pode alterar a expressão dos genes do nosso relógio e, assim, interferir com o complexo mecanismo metabólico e hormonal, contribuindo para doenças multifatoriais, tais como obesidade e diabetes, mas também distúrbios do sono ou envelhecimento.

Na correria do dia a dia, não é fácil escutar o nosso corpo e acabamos desregulando nosso relógio com, por exemplo, refeições rápidas, noites curtas, ou estresse. Isso não está sempre em nosso controle!

Quando tiver oportunidade, volte a curtir o momento e restabelecer uma comunicação com seu corpo:

  • Coma quando sentir fome;
  • Durma quando estiver com sono;
  • Respire fundo;
  • Retome o contato com a natureza;
  • Coma alimentos verdadeiros;
  • Hidrate-se com água.

Faça as pazes com seu corpo, cuide dele lembrando que é o único que você tem! Pare de controlar e machucar, e faça parceria com ele na busca do bem-estar para conseguir a melhor saúde possível.

Férias fazem bem à saúde!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *