Projeto Verão

Dica 12 – Faça as pazes com a comida!

Vivemos uma época de terrorismo nutricional, ou seja um excesso de informações nutricionais simplistas que separa os alimentos entre vilões e bons. A tendência a seguir dietas restritivas, que mandam eliminar alguns alimentos ou grupos de alimentos, acentua ainda mais essa impressão que existem alimentos ruins e que comer pode ser algo perigoso. Se você tem essa impressão, é importante fazer as pazes com a comida porque não existem alimentos perigosos. Existem alimentos!
Fazer as pazes com a comida é fazer as pazes com você mesmo!
Pare de lutar contra a comida! Pare de restringir sua fome e evitar alguns alimentos. Comece a respeitar seu próprio corpo e escutá-lo. O alimento é seu aliado e não seu inimigo.


A comida, além de ter a função de nutrir nosso corpo, tem funções emocionais, sensoriais, culturais e sociais. É também uma das nossas maiores fontes de prazer no dia a dia. É importante para nosso equilíbrio sentir esse prazer ao comer. Fazer as pazes com a comida é o caminho para resgatar esse prazer.
Não devem existir alimentos proibidos!
O fato de se proibir de comer um alimento desejado pode levar à frustração, tristeza, e perda de controle na hora de se autorizar novamente. Depois de algum dia difícil e estressante, a tentação aumenta e você certamente vai pensar “hoje eu mereço!” Nessas ocasiões, o risco de comer aquele alimento “proibido” em excesso é grande.
Fazer as pazes com a comida que dizer não ter alimentos “proibidos”. Algo proibido, especialmente quando é gostoso, adquire uma importância muito maior e acabamos pensando nele o tempo todo. Mostro para meus pacientes como re-introduzir esses alimentos devagar e com calma, até que eles não sejam mais tão difíceis de controlar. É importante se autorizar de vez em quando.
Dica12
O vilão mais comum das dietas restritivas e provavelmente o alimento mais proibido o chocolate. No entanto, é provavelmente o alimento que dá mais prazer porque combina açúcar e gordura, algo que não existe na natureza e que o nosso cérebro adora. Sugiro que leia porque não precisa ter medo do chocolate: Comer chocolate – 10 razões para fazer isso sem culpa
Em vez de se privar para depois correr o risco de perder o controle frente ao chocolate, incentivo os meus pacientes a voltar a comer com moderação quando sentem vontade. Recebo mensagens dos meus pacientes dizendo “Dra Sophie, agora que posso comer chocolate nem quero mais!”. Isso é o resultado de se permitir!
Descubra o vídeo que eu fiz sobre o tema: Pode comer chocolate!
Porque não começar a fazer as pazes com a comida agora?
Bon appétit!
Para saber mais, escute minha entrevista no radio CBN com a querida Pétria Chaves no programa “Caminhos alternativos” : Alimento deve ser nosso aliado, e não inimigo
Assiste também a minha entrevista no programa “Cozinha prática” com Rita Lobo: Faça as pazes com a mesa
Projeto Verão Sophie: Todo dia de novembro uma nova dica. Clique aqui para saber mais e achar as outras dicas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Para você
Curso online - Efeito Sophie no Comer Emocional

Vontade de comer doces no final do dia?
Conheça os vários tipos de fome e saiba lidar melhor com a fome emocional, aquela que te faz querer comer muitos doces quando chega o final do dia.

Cursos e programas para você

Descubra uma nova abordagem da sua alimentação e mude sua vida com essa metodologia aplicada em 3 cursos especiais.

É colega de profissão?

Descubra uma nova abordagem da nutrição e mude seu atendimento a pacientes.

Artigos Relacionados

Menu