Nutricoaching

O que é balanço decisório? Como usar? Quais seus benefícios?

Balanço decisório é uma das ferramentas de nutrição comportamental que permite avaliar os prós e contras, o que se ganha e o que se perde ao se decidir por uma mudança alimentar.

Diariamente em nossa vida precisamos fazer escolhas. Geralmente, essas decisões nos trazem ganhos, mas também perdas, por isso é tão difícil tomar uma decisão.

Quando se trata da saúde e da alimentação, também é necessário decidir. Que escolhas alimentares fazer? Que hábitos adotar, e quais largar?

Tudo isso implica em mudanças de comportamento e para que uma pessoa se sinta realmente motivada e pronta para mudar, é importante que os ganhos compensem as perdas da mudança desejada.

Algo que pode ajudar bastante nessa tomada de decisões é o balanço decisório. Essa ferramenta da nutrição comportamental pode ser facilmente utilizada em seu consultório e contribuir positivamente para a saúde e alimentação dos seus pacientes.

Aqui, vou mostrar quando usar o balanço decisório, como e quais os seus benefícios.

Vamos lá?

Quando usar o balanço decisório?

O balanço decisório pode ser muito útil quando o paciente está em uma fase de contemplação e talvez esse seja o melhor momento para usar essa ferramenta.

De acordo com o modelo transteórico a contemplação é o estágio de mudança em que a pessoa até deseja mudar, mas ainda não está totalmente decidida sobre isso.

Ou seja, existe uma ambivalência, de modo que os prós e contras relativos à mudança estão bem equilibrados. Já nas fases de preparação e ação, os prós compensam os contras.

O objetivo do balanço decisório é justamente gerar uma percepção de que as vantagens superam as desvantagens e trabalhar a motivação do paciente para mudar efetivamente.

Como usar o balanço decisório no seu consultório?

Agora você já sabe que o balanço decisório pode ser uma das ferramentas de coaching nutricional ou de nutrição comportamental que pode ajudar na mudança de comportamento, mas talvez esteja se perguntando como realmente pode utilizá-lo em seu consultório.

Vou explicar para você.

O nutricionista pode pedir para o paciente escrever em um papel o que ele ganha e o que ele perde cumprindo ou não uma meta nutricional.

Inclusive, no meu site você encontra um modelo que pode ser útil nos seus atendimentos. Clique na imagem abaixo para baixar o modelo completo dessa importante ferramenta para atendimento nutricional.

Vou dar um exemplo. Imagine um paciente que tem como uma de suas metas cozinhar mais. Ele pode elencar entre os ganhos de realizar a mudança:

  • ter mais saúde;
  • alimentar-se melhor ao longo do dia
  • e economizar dinheiro.

Ao mesmo tempo, pode perceber o tempo demandado para fazer as compras e cozinhar como uma perda.

Dessa forma, se ele decidir não mudar, poderá ganhar esse tempo que utilizaria na cozinha, mas perder a oportunidade de ter comida congelada sempre à mão, além de mais saúde e qualidade de vida.

Com isso, o paciente terá uma lista de pontos positivos e pontos negativos e poderá visualizar melhor os prós e contras de cumprir suas metas.

O balanço decisório pode ser complementado com uma avaliação para identificar pontos de resistência. O nutricionista pede ao paciente que avalie de 0 a 10 a importância de continuar com determinados hábitos. Quanto mais próximo de 10, mais importante para ele é o comportamento em questão.

Essa avaliação indicará uma necessidade maior de estimular a motivação do paciente e de pensar estratégias para superar as resistências.

Quais os benefícios de usar o balanço decisório?

Essa ferramenta da Nutrição Comportamental pode ajudar você a guiar seu paciente, afastando-se de uma abordagem prescritiva, pois, como sabemos, prescrever uma dieta não é determinante para a mudança de comportamento.

Na verdade, o balanço decisório também não é. Mas trata-se de uma ferramenta que pode ser mais efetiva na mudança de hábitos, porque é centrada no paciente.

Ou seja, o nutricionista atuará como um profissional facilitador, mas sempre consciente de que a decisão de mudar e de colocar os planos e metas em prática é responsabilidade do paciente.

Assim, não haverá recomendações que partem unicamente do profissional e são recebidas pelo paciente de forma passiva. Ambos atuarão em conjunto e as possibilidades, os desejos, a rotina, os pensamentos e sentimentos de quem deseja mudar serão levados em conta.

Acredito que assim, poderemos ter mudanças de hábitos mais efetivas e sustentáveis, contribuindo para a saúde, bem-estar e qualidade de vida das pessoas que buscam nossa ajuda.

Quer saber mais sobre balanço decisório?

Se quer saber mais sobre balanço decisório, tenho uma sugestão final para você que gosta de se atualizar e melhorar sempre sua prática profissional.

Após muitos pedidos de profissionais de saúde que entraram em contato comigo, criei o curso Método Sophie.

Ao publicar “O Peso das Dietas”, notei uma necessidade de colegas da área de se atualizarem na ciência da Nutrição em relação ao peso, obesidade e transtornos alimentares, além da área comportamental – algo que ainda é pouco estudado nas faculdades.

O meu objetivo é apresentar uma Nutrição com Ciência e Consciência e fornecer ferramentas para um atendimento mais personalizado e humanizado, com foco na mudança do comportamento e na construção de uma relação mais saudável com a comida.

A propósito, tive a honra de formar centenas de profissionais de saúde em mais de 20 estados pelo Brasil, entre nutricionistas, médicos e psicólogos.

Veja o que eles acham da minha metodologia:

Se você se identifica com essa linha de trabalho, não deixe de conferir mais informações sobre o curso abaixo:

→ Saiba mais informações sobre o curso!←

E se ainda não for o momento de fazer o curso, fique à vontade também para assistir uma das minhas próximas palestras ou mesmo agendar uma consulta no meu escritório.

Referência

ALVARENGA, Marle et al. Nutrição Comportamental. 2.ed. Barueri – SP: Manole, 2019.

Se gostou deste artigo sobre balanço decisório, provavelmente vai adorar ler estes posts que separei para você:

  1.   Como elaborar uma anamnese nutricional?
  2.   Diário alimentar na Nutrição Comportamental: o que é? Como funciona?
  3. O que é Coaching de emagrecimento? Como funciona? Como aplicar?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Saúde PRO
Método Sophie

O curso presencial está de volta!
Passe 8 dias com a Dra. Sophie Deram e sua equipe de professores e adquira o conhecimento e as ferramentas para ter um atendimento mais humanizado, melhorar a adesão do seu paciente ao tratamento nutricional e conseguir as mudanças que farão a diferença em seu bem-estar e saúde.

Cursos e programas para você

Descubra uma nova abordagem da sua alimentação e mude sua vida com essa metodologia aplicada em 3 cursos especiais.

É colega de profissão?

Descubra uma nova abordagem da nutrição e mude seu atendimento a pacientes.

Artigos Relacionados

Menu