Comportamento Alimentar

O que é diabetes? GUIA completo: do tratamento à prevenção

Você com certeza já ouviu falar, mas realmente sabe o que é diabetes?

O diabetes é uma doença crônica não transmissível que ocorre quando o pâncreas não produz insulina ou quando existe uma resistência à ação desse hormônio, que é responsável por utilizar a glicose de forma adequada e produzir energia para o funcionamento do organismo.

Estima-se que cerca de 425 milhões de pessoas, ou seja, 8,8% da população adulta em todo o mundo, conviva com o diabetes.

Trata-se de uma doença muito prevalente e a maioria dos casos de diabetes acontecem em países em desenvolvimento, como o Brasil.

Por isso, é importante saber o que é diabetes e adotar hábitos saudáveis para preveni-lo.

Se quer conhecer mais sobre esse problema de saúde, vem comigo.

Quais os tipos de diabetes?

Você já entendeu o que é diabetes, mas não sei se você sabe que existem vários tipos dele. Os mais conhecidos e comuns na população são o diabetes tipo 1 e tipo 2.

O que é diabetes tipo 1

O diabetes tipo 1 é uma doença autoimune, em que o próprio corpo percebe as células pancreáticas como invasoras e passa a destruí-las.

Para que fique claro, o pâncreas é o órgão responsável pela produção de insulina, por isso, aquelas pessoas que apresentam diabetes tipo 1 necessitam usar insulina para ter saúde e qualidade de vida. Sem insulina, os níveis de glicose (açúcar) que circulam no sangue aumentam, levando ao que conhecemos como hiperglicemia.

Geralmente esse tipo de diabetes se desenvolve ainda na infância e não é o tipo mais comum.

O que é diabetes tipo 2

Já o diabetes tipo 2 corresponde a mais de 90% dos casos de diabetes. Ele é causado por múltiplos fatores, incluindo genéticos e comportamentais. A maioria das pessoas que apresenta diabetes tipo 2 desenvolvem essa doença depois dos 40 anos. No entanto, tem crescido o número de crianças e jovens com esse problema de saúde.

A presença de pessoas na família que têm diabetes, o avançar da idade, hipertensão arterial, colesterol alto, sedentarismo e excesso de peso são vistos como fatores de risco para o desenvolvimento do diabetes tipo 2.

 A boa notícia é que atuando nesses fatores, o diabetes pode ser prevenido. E a alimentação e a prática de atividade física são dois grandes aliados nisso.

Diferentemente do diabetes tipo 1, no diabetes tipo 2 o corpo produz a insulina, mas existe uma resistência à ação desse hormônio. Para entender melhor, imagine a insulina como um porteiro que permite a entrada da glicose nas células do corpo.

Quando existe a resistência à insulina ela não consegue desempenhar sua função e a glicose não entra nas células para fornecer energia ao organismo, gerando um descontrole da quantidade de glicose no sangue.

O que é diabetes gestacional

O diabetes gestacional é o terceiro tipo mais conhecido. Durante a gravidez diversos hormônios que elevam os níveis de glicose no sangue são produzidos, como também enzimas que podem destruir a insulina. 

Essa condição, em conjunto com outros fatores, pode levar ao desenvolvimento de diabetes gestacional. Esse tipo de diabetes pode persistir após o nascimento do bebê ou ser pontual e limitado ao período da gestação.

Quais são os sintomas de diabetes?

Se você clicou nesse artigo na intenção de saber o que é diabetes, talvez também esteja se perguntando quais os seus sintomas e como saber que tem diabetes.

Bem, é importante que você entenda que o diabetes é uma doença crônica silenciosa e no geral não apresenta sintomas. Por isso, para ser diagnosticada são necessários diversos exames laboratoriais e acompanhamento com um médico endocrinologista.

No entanto, sintomas da hiperglicemia podem aparecer quando a doença não está controlada e são sinais de que a pessoa apresenta diabetes. Fique atento aos seguintes sintomas: 

  • grande produção de urina; 
  • sede intensa; 
  • muito apetite 
  • e um emagrecimento rápido e inexplicável. 

Nesse caso, deve-se procurar um médico urgentemente e seguir um tratamento para diabetes com equipe multidisciplinar, que geralmente envolve medicamentos (e insulina, no diabetes tipo 1 e em casos avançados de diabetes tipo 2), uma alimentação saudável e a prática de atividade física.

Como prevenir o diabetes?

Além de existir tratamento para todos os tipos de diabetes, é possível prevenir o diabetes tipo 2 e gestacional. Para isso, é importante ter um estilo de vida saudável. Aqui, vou mostrar 3 dicas para aderir a comportamentos saudáveis que podem ajudar na prevenção do diabetes.

1- Ter uma alimentação saudável

Algumas pessoas podem pensar que ter uma alimentação saudável para prevenir o diabetes é cortar o açúcar. Mas isso não é verdade. Até mesmo as pessoas que têm diabetes, de qualquer tipo, podem consumir açúcar com moderação e de acordo com suas necessidades individuais. Deve-se evitar o excesso de açúcar, mas não precisa de restrição.

Além disso, não adianta estar atento apenas ao açúcar. As gorduras e as proteínas também interferem no metabolismo da glicose e na forma como produzimos energia.

Por isso, ter uma alimentação saudável diz respeito a consumir alimentos de todos os grupos alimentares e comer mais comida caseira, como mostro nesse vídeo:

2- Praticar atividade física

A prática de atividade física, quando feita com prazer e na medida certa, proporciona bem-estar e qualidade de vida.

É interessante buscar um exercício físico que você faça de forma prazerosa: dança, esporte, musculação, corrida, bicicleta… As opções são inúmeras. Depois, é encontrar um espacinho na agenda e começar a praticar.

Mas se você ainda não achou um exercício que realmente faça com prazer, também é possível ser mais ativo ao longo do dia. Por exemplo, optando por fazer uma caminhada até o trabalho ou escolhendo as escadas e não o elevador. O importante é colocar o corpo em movimento!

3- Cuidar da saúde de maneira integral

A saúde não é apenas física, mas também mental. Por isso, além da alimentação e atividade física, para prevenir o diabetes é importante cuidar da sua saúde de uma forma integral.

Isso inclui dormir bem, estar bem consigo mesmo, lidar com o estresse e buscar ajuda de profissionais de saúde quando necessário.

Quer saber mais sobre o que é diabetes e como gerenciá-la?

Se quer saber mais sobre o que é diabetes, minha última dica é você dar uma olhada no meu curso online Efeito Sophie!

Nele, eu não vou falar sobre as últimas dietas da moda, alimentos milagrosos e fórmulas mágicas de emagrecimento – até porque não acredito em nada disso.

Ao invés, eu vou te ajudar a identificar o seu comportamento e relacionamento diante da comida.

A minha missão é te ajudar a fazer as pazes com a comida e corpo, e você possa encarar a alimentação como algo prazeroso, sem estresses e muito menos culpa.

Com algumas dicas práticas, sempre focando na sua saúde e no seu bem-estar, você poderá alcançar o SEU peso saudável, de forma gradual e duradoura. O peso é consequência da sua saúde.

→ Se inscreva e comece hoje mesmo o curso online Efeito Sophie! ← 

Vamos juntos nessa?

Se ainda não for o melhor momento de fazer o curso, fica à vontade também para ler o livro O Peso das Dietas, assistir uma das minhas próximas palestras ou mesmo agendar uma consulta se precisa de um acompanhamento mais personalizado 

Bon appétit!

Referência

CUPPARI, Lilian. Nutrição clínica no adulto. 4.ed. Barueri – SP: Manole, 2019.

Se gostou deste artigo sobre o que é diabetes, provavelmente vai adorar ler estes posts que separei para você:

  1. 5 passos para comer com consciência (Mindful Eating)
  2. Por que dietas restritivas não são sustentáveis? Respostas fisiológicas do seu corpo
  3. Na busca por alimentos que diminuem a ansiedade? Saiba como a alimentação pode ajudar a lidar melhor com ela

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Para você
Curso online - Efeito Sophie no Comer Emocional

Vontade de comer doces no final do dia?
Conheça os vários tipos de fome e saiba lidar melhor com a fome emocional, aquela que te faz querer comer muitos doces quando chega o final do dia.

Cursos e programas para você

Descubra uma nova abordagem da sua alimentação e mude sua vida com essa metodologia aplicada em 3 cursos especiais.

É colega de profissão?

Descubra uma nova abordagem da nutrição e mude seu atendimento a pacientes.

Artigos Relacionados

Menu