Comportamento Alimentar

Como manter o foco na dieta? Acalme-se: fracassar é mais normal do que você imagina

Quero lançar um desafio a você: alguma vez na vida você foi feliz seguindo algum tipo de regime alimentar? Pergunto isso antes de tentar responder a dúvida de 9 entre 10 pessoas: como manter o foco na dieta? De fato, essa é uma missão bastante difícil. Você não está sozinho!


Acredito que ninguém fica contente em ter que contar cada caloria que come ao longo do dia, ou quando se vê obrigado a recusar algo que está com muita vontade de comer. Portanto, se você já conhece a minha linha de trabalho, há de saber que não vou dar aqui nenhuma fórmula mágica sobre como manter o foco na dieta.
Em contrapartida, quero ajudar as pessoas a construírem uma relação mais tranquila com este tema, tirando o foco das calorias, da exclusão de grupos alimentares, de modismos absurdos.
Em primeiro lugar, faço um convite: que tal deixar a dieta restritiva de lado e pensar em uma vida mais saudável, mas ao mesmo tempo prazerosa?
Dietas assustam o corpo. No curto prazo, podem até mandar alguns quilos embora, mas este peso não se sustenta. Estudos mostram que cerca de 95% das pessoas que fazem dieta restritiva acabam engordando novamente.
Por isso, se você já fracassou uma, duas ou mais vezes ao tentar seguir um plano alimentar restrito, não se sinta mal: você faz parte de uma maioria. Você é NORMAL!
Veja também:

Cadê o foco que estava aqui?

O corpo passa por uma série de adaptações fisiológicas durante uma dieta. Ao ser privado de comida ou energia, fica em estado de alerta e tem que “se virar” para conseguir desempenhar suas funções vitais diante da escassez de nutrientes.
Além disso, existem diversos efeitos colaterais negativos associados: irritação, nervosismo, ansiedade, cansaço, tristeza…assim fica muito difícil manter-se firme e não falhar, concorda?
Por isso, se você me me pergunta: “como manter o foco na dieta”, eu só posso responder: não fazendo dieta restritiva.

Cadê a autoestima que estava aqui?

Falhar na dieta traz outro problema: acaba com a nossa autoestima. Nos sentimos fracos, pouco determinados. Verdadeiros perdedores. Passamos a acreditar que não temos o “combo” “força, foco e fé” tão propagado nas redes sociais.
Em primeiro lugar, você não é fraco. Como eu sempre digo, é normal falhar diante de toda essa privação. E quando estamos com a autoestima baixa fica ainda mais difícil cumprir as metas que estabelecemos para nós mesmos.
Então se a pergunta “como manter o foco na dieta” está martelando na sua cabeça, que tal começar a olhar para dentro de si primeiro? Sair um pouco da questão do peso, e pensar sobre as emoções que estão afetando a sua relação com a comida?
Acha que uma coisa não tem nada a ver com a outra? Pois veja a definição de saúde dada pela Organização Mundial da Saúde (OMS): “Saúde é um estado de completo bem-estar físico, mental e social, e não apenas a ausência de doenças.” Ou seja: essa definição não passa por magreza! Percebeu?

Como manter o foco na dieta?

Minha dica sobre como manter o foco na dieta é: mude o foco! Amplie a sua visão sobre a vida, sobre a alimentação, sobre o seu dia a dia e, sobretudo, sobre como você enxerga a si mesmo.
Perder peso não é a coisa mais simples do mundo, mas, se você fizer essa análise mais profunda, terá mais chances de equilibrar corpo e mente e, com isso, manter um corpo saudável ao longo da vida. Experimente!
Que tal conhecer meu método Efeito Sophie, que ensina a transformar sua relação com a comida e a voltar a escutar os sinais do seu corpo? São seis semanas com vídeos e materiais que vão explicar sobre hábitos alimentares, e como recuperar o prazer de comer. Saiba mais!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Para você
Curso online - Efeito Sophie no Comer Emocional

Vontade de comer doces no final do dia?
Conheça os vários tipos de fome e saiba lidar melhor com a fome emocional, aquela que te faz querer comer muitos doces quando chega o final do dia.

Cursos e programas para você

Descubra uma nova abordagem da sua alimentação e mude sua vida com essa metodologia aplicada em 3 cursos especiais.

É colega de profissão?

Descubra uma nova abordagem da nutrição e mude seu atendimento a pacientes.

Artigos Relacionados

Menu